Estilo de Kelly Osbourne.


Kelly é dessas celebridades tipo camaleão: cada hora aparece com uma cor e um corte de cabelo diferentes... e um peso também. Ela prefere tecidos planos (que não esticam) e vestidos com saia ampla, que não marcam o quadril e fazem uma silhueta proporcional: dá a impressão da cintura ser mais fina!



Viu só? Aliás, marcar a cintura é um bom truque: como essa parte costuma ser a mais estreita do corpo, emagrece! Cintos largos, com laço na frente, cintura alta e saia em formato de A são infalíveis! Além de serem fofos, estarem super na moda e terem todo um charme retrô.



A Kelly é super fã de sapatilhas e saltos de bico arredondado. Os metalizados como o rosa e o vermelho acima, são luxo! Mas no verão ela também cede à uma boa rasteirinha: repara na primeira foto acima!



Outro amigo inseparável das meninas acima do peso é o look preto total. Kelly Osbourne é mestra nisso: pra não deixar o look chato, investe em peças com cortes clássicos, transparências, tecidos nobres e acessórios.



Outra peça-chave da Kelly, durante o inverno, são os casacos. Sobretudos usados fechados, como vestidos, com um scarpin de bico arredondado, ficam elegantes e despojados ao mesmo tempo. E olha ela de Chanel dos pés à cabeça no terceiro look! Casaco + skinny preta + sapatilha + flor no cabelo = CHIC! Já no quarto look, ela também esbanja elegância com um casaco de tafetá e um maxi-cachecol, tudo da Burberry.


Kelly Osbourne adooora maquiagem. Mas como ela também adora mudar de cor e de corte de cabelo, aprendeu que é preciso coordenar um com o outro. Na suas fases como loira, ela adota gloss e batom em tons cor de boca, mais suaves, priorizando o make dos olhos, que ela destaca com sombra verde e delineador. Já quando pinta os cabelos de preto, adere ao bocão vermelho, bem forte, fazendo contraste com sua pele muito branca. Mas delineador e cílios postiços ela usa muuuito. E sempre.


Kelly Osbourne, foi ao Teen Vogue com um vestido bem justinho e aplicação de flores nas mangas – o tom cinza das flores, aliás, fez um contraste bem bonito com o vestido!

Hippie






Não sei se é com todo mundo, mas quando leio por aí Hippie ou Hippie Chic sempre me vem na cabeça o Movimento do Woodstock, Jimi Hendrix, as roupas coloridas, calças jeans, pantalonas com boca de sino, e no lugar de camisas e blusas, ambos os sexos usavam as famosas batas indianas, como apego a cultura deste mundo massificado e corrompido pela guerra e pela sociedade de consumo. A estética hippie é também conhecida como a estética da flor e do amor.

Jimi Hendrix

"Os anos 60 foram, sobretudo, de uma nova juventude, que também transviada, substituiu James Dean e Elvis Presley pela rebeldia política de Che Guevara e a moral sinalizada por Jimi Hendrix e toda uma constelação de pop-stars que morreu vítima da overdose de drogas".


John L.

"Os sapatos e bolsas tinham aspectos artesanais, próprios de culturas não industrializadas".


Janis Joplin em "Piece Of My Heart"


O Hippie Chic:


O rústico ganha sofisticação e brilho com bordados industriais que parecem manuais, acessórios, saias longas, vestidões confortáveis, lenços, tecidos cheios de fluidez, detalhes artesanais e um pé nos anos 70.








Paz e Amor para todos aí!